Representantes da RedeFito Cerrado estiveram reunidos no dia 23/10/14, na Fundação Zoobotânica de Belo Horizonte, em importante reunião com diversos parceiros do estado de Minas Gerais, para estabelecer ações para a articulação da Rede neste bioma.

A reunião foi iniciada com uma calorosa recepção organizada pela professora Albina Nogueira, que ofereceu aos participantes um café da manhã especial. Após o momento de confraternização, Albina, os professores Glauco Villas Bôas e Francisco Rubió   realizaram uma apresentação narrando o histórico da RedeFito Cerrado, desde as primeiras articulações ao longo da década passada, até os dias de hoje.Os professores destacaram o importante papel da professora Alaíde Braga de Oliveira nesta trajetória. Glauco reforçou a importância da retomada de alguns trabalhos dispersos durante o período de organização e fortalecimento da rede e a formalização de projetos específicos, como o de integração do Sistema SIS-PAF e de implantação de um escritório regional das RedesFito.

Após a fala inicial, o gerente do Escritório de Gestão das RedesFito, Thiago Mendes, apresentou as Redes para contextualizar os trabalhos atualmente desenvolvidos, especialmente para os novos participantes. Em seguida, a professora Alaíde apresentou importantes trabalhos que estão sendo desenvolvidos com o apoio da Fundação Zoobotânica. Entre eles, destacam-se os voltados para a qualificação profissional em prescrição de fitomedicamentos.

O período da tarde foi destinado à discussão de possíveis projetos e ações de apoio aos projetos já em execução. Foram discutidas, também, as dificuldades encontradas para elaboração e, principalmente, execução de projetos envolvendo fitoterápicos. Alguns entraves foram apontados, como a gestão de projetos amarradas às secretarias de saúde ou aos caminhos para a compra e dispensação destes no SUS.A agricultura familiar também foi pauta na discussão, caminhos e possíveis mercados para esse tipo de produto foram apontados, mas todos reconheceram as dificuldades burocráticas e de sustentabilidade econômica dos projetos.

 

A Rede em movimento

 

Ao final, foram pactuadas ações prioritárias para os integrantes da rede: a integração do sistema SIS-PAF para disponibilização deste serviço aos parceiros da RedeFito Cerrado; a ampliação das discussões relacionadas a Assistência Farmacêutica; a discussão política para estruturação de uma Farmácia Viva em Belo Horizonte e uma conversa com os parceiros do Movimento dos Trabalhadores Sem Terra de Minas Gerais para apresentação da proposta das Redes. Ficou definido, também, que, durante o processo de elaboração e possível execução do projeto de implantação do escritório regional da RedeFito Cerrado, a interlocutora direta com a equipe do Escritório de Gestão das RedesFito no RJ será a professora Jussara Júlia.  

Participaram da reunião: Albina Nogueira (Jardim Botânico - FZB-BH), Francisco Rubió (UFMG), Eduardo Roxo (ATINA), Jaqueline Guimarães (Farmácia Viva – Betim), Neusa Almeida (Coordenadora do projeto APL Betim - MS), Elizabeth Bucek (UNEUBE- Uberaba), Maria Gorette (Fundação Ezequiel Dias), Virginia del Carmen (Serviço de Microscopia de Produtos / FUNED), Thiago Monteiro Mendes (NGBS/Farmanguinhos/Fiocruz), Glauco Villas Bôas (NGBS/Farmanguinhos/Fiocruz), Lúcia Pinheiro (UFMG), Regina Célia de Castro (PBH), Fernanda Gomes dos Reis (PBH), Luciana Caldas Coelho (PBH), Míriam Pimentel Mendonça (Jardim Botânico), Odilberto Roque Bezerra (Jardim Botânico), Gabriela Assunção (PBH), Arildo da Silveira Machado (Ceres Biotecnologia Agrícola e Meio Ambiente), Carine Santos (MST- MG), Jussara Júlia (Urbem), Carina Lúcio (NGBS/Farmanguinhos/Fiocruz).

logo redesfito em foco

Receba mensalmente as principais notícias das RedesFito diretamente em seu email cadastrando-se em nosso portal.

Cadastrar